• NOTA DE REPÚDIO ÀS INVERDADES VEICULADAS PELA ABC E APOC

    NOTA DE REPÚDIO ÀS INVERDADES VEICULADAS PELA ABC E APOC

    A Federação Nacional dos Peritos Oficiais em Identificação, FENAPPI, e a Associação dos Peritos Papiloscopistas Policiais Civis do Estado de Pernambuco, ASPPAPE, vem a público repudiar às declarações inverídicas veiculadas pela Associação Brasileira de Criminalística – ABC, e compartilhadas e apoiadas pela Associação de Polícia Científica – APOC.

    É inconcebível, incompreensível e inadmissível, nos dias atuais, onde o Brasil passa por uma crise político-financeira, com investigações criminais envolvendo os mais altos escalões do governo, uma Associação que deveria ser exemplo de moralidade e ética, por representar uma categoria e ser sua referência e que tem por finalidade a valorização de seus representados e a melhoria dos seus serviços para seus clientes, à sociedade, com um atitude exclusivamente corporativista, mesquinha e cruel, apenas no intuito de desagregar, prosperando aos quatros cantos, separação, desunião, inverdades e absurdos.

    Todos que lêem a nota da ABC conseguem facilmente visualizar o tom de inveja e tentativa de desmerecer uma categoria que sempre, no Estado de Pernambuco, com EXCLUSIVIDADE, realizou atividades voltadas à ciência papiloscópica que no passar dos anos, meramente por necessidade e evolução da sociedade, se fez necessária ampliar e modernizar essas atividades. Ao longo de 108 anos, o Instituto de Identificação Tavares Buril sempre teve suas atividades de Identificação Forense sendo realizadas por Peritos Papiloscopistas. 

    A única Lei que essas Associações mencionam é a Lei Federal nº 12.030/09 que não é taxativa, pois se assim o fosse, excluiria do rol da perícia oficial criminal todos os demais peritos que exercem suas perícias com louvor nas suas áreas de formação, mas não tem a nomenclatura do cargo com as descritas na lei. E por se tratar de uma Lei Federal, esta deve respeitar as peculiaridades e legislação de cada Estado pois se assim não fizesse os peritos papiloscopistas virariam peritos criminais, situação que nós não desejamos, diferentemente do que eles almejam, assumir nossas atribuições sem competência para tal. Abaixo colocamos, ipsi literis, o artigo 5º da referida Lei Federal:  [Leia mais…]

  • NOTA À IMPRENSA

    A ASPPAPE (Associação dos Peritos Papiloscopistas Policiais Civis do Estado Pernambuco) vem à público comunicar a suspensão de todos os trabalhos de Perícias Papiloscópicas do IITB (Instituto de Identificação Tavares Buril), bem como a emissão dos laudos referentes aos crimes efetuados em todo o Estado de Pernambuco.

    Tal suspensão é resultado do Decreto nº 44.464 de 23 de maio de 2017, que hoje retira todas as atribuições periciais dos PERITOS PAPILOSCOPISTAS.

    Alertamos à sociedade sobre os prejuízos causado à elucidação de crimes e identificação dos criminosos. Principalmente na atual conjuntura, em que o governo diz tentar reestruturar o Pacto pela Vida.

     A DIRETORIA

  • NOTA DE REPÚDIO À GESTORA DE POLÍCIA CIENTÍFICA SANDRA SANTOS

    A Associação dos Peritos Papiloscopistas Policiais Civis do Estado de Pernambuco – ASPPAPE – vem a público emitir uma nota de repúdio à Gestora de Polícia Científica Sandra Santos pelas últimas entrevistas concedidas aos canais de imprensa televisivos: Globo, SBT e TV Clube. Após o homicídio da fisioterapeuta Tássia Mirella Sena de Araújo, crime que teve grande repercussão pela forma brutal como foi executado, com fortes indícios de violência sexual, tendo como principal suspeito o vizinho Edvan Luiz da Silva.

    A Sandra Santos é perita criminal e ocupa cargo de confiança na Gerência de Polícia Científica, enquanto gestora e servidora pública não deveria ferir um princípio básico da administração pública que é a impessoalidade. Porém, depois de assumir a função de Gestora, aproveita de sua condição e hierarquia, comprovadamente por seus atos recorrentes, para desconstruir e desmerecer uma categoria que, no Estado de Pernambuco presta serviços de grande relevância e de estimado valor no campo da identificação pericial por mais de 100 anos, levantando uma bandeira e seguindo diretrizes de sua Associação Nacional, Associação Brasileira de Criminalística – ABC. A Gestora não age com imparcialidade, facilmente visível nas suas últimas entrevistas concedidas às emissoras citadas anteriormente, onde em momento algum de suas falas e respostas aos jornalistas que a entrevistaram sequer cita a perícia podoscópica, perícia esta que foi a primeira com resultado conclusivo que colocou o vizinho na cena do crime, relacionando-o como principal suspeito e sendo prova robusta para na audiência de custódia garantir a prisão preventiva para o acusado.

    Ela fala seguramente nas entrevistas que houve diversas perícias, algumas até que faltavam conclusão, porém a perícia papiloscópica que teve a conclusão mais rápida, pouco mais de 2 (duas) horas para concluir o resultado após o levantamento dos fragmentos papilares em local do crime (impressões plantares) nem ao menos foi citada como realizada. Sempre procurando dar ênfase ao DNA, “coincidentemente” a área que possui um laboratório e do qual a mesma já foi gestora anteriormente à função que assume atualmente. Também insiste em divulgar na imprensa a existência de uma Polícia Científica, porém legalmente, conforme a Constituição Federal em seu art. 144, não existe Polícia Científica e sim, o que existe de fato é uma Gerência estruturada e subordinada diretamente à Secretaria de Defesa Social mas que seus policiais: médicos-legistas, peritos criminais, peritos papiloscopistas, auxiliares de peritos e legistas são cedidos a essa estrutura porém não deixam de ser policiais civis. É um verdadeiro desserviço esse tipo de fala. [Leia mais…]

  • Morre papiloscopista e ex-diretor de identificação da Politec em Cuiabá.

    Imagem relacionada

    Morre papiloscopista e ex-diretor de identificação da Politec em Cuiabá.

    A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) lamentou o falecimento do papiloscopista Crescêncio Costa Leite, ontem à noite. O velório ocorre na Capela Jardins, Sala Roseiral. O servidor, vítima de um infarto, atualmente estava lotado na Gerência de Plantão Integrado, situada nas dependências do IML. [Leia mais…]

  • Polícia faz perícia papiloscópica no Mini Cooper em busca de provas

    Perita do IGP encontrou impressões digitaisProfissional do IGP coletou impressões digitais no automóvel
     Impressões digitais coletadas e materiais apreendidos dentro do Mini Cooper que se envolveu em uma ocorrência policial na semana passada, no bairro Leopoldina, podem ajudar os agentes da Polícia Civil a esclarecer o caso. O carro está apreendido desde a madrugada do dia 8 de agosto, depois que seus ocupantes fugiram de uma abordagem da Brigada Militar, deram tiros na direção dos servidores e ainda atropelaram um dos brigadianos que atendia a ocorrência.

    [Leia mais…]

  • Parceria com TRE – Estado vai usar dados de biometria para conter violência

    rogers-marciovidal.jpeg

    Dados Biométricos Facial e Digital

    A Justiça Eleitoral quer disponibilizar a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP/MT) os dados biométricos facial e digital dos eleitores cadastrados em todo o país, por outro lado, quer ter acesso ao cadastro biométrico dos motoristas sob a reponsabilidade do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran/MT). Essa intenção foi comunicada pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso, desembargador Márcio Vidal ao secretário de segurança pública, Rogers Elizandro Jarbas, em reunião, que contou com a presença de outras autoridades na área de segurança do Estado. [Leia mais…]

  • Deputado Capixaba destina 25 milhões para nova sede da Polícia Civil de Rondonia

    Deputado Capixaba...O objetivo de combater a criminalidade e dar agilidade ao sistema de inteligência da Polícia Civil de Rondônia

    Com o objetivo de combater a criminalidade e dar agilidade ao sistema de inteligência da Polícia Civil de Rondônia, o deputado e coordenador da bancada federal, Nilton Capixaba (PTB-RO), ratificou o compromisso de destinar emenda de 25 milhões de reais para construção da nova sede do centro administrativo e operacional da Polícia Civil do Estado.  A confirmação foi feita na última sexta, 11-08, durante o lançamento do Instituto de Identificação Civil e Criminal (IICC) de Cacoal e Pimenta Bueno. [Leia mais…]

  • Polícia apreende RGs em branco furtados do Instituto de Identificação do Piauí

    a75ee00e-49fe-4b97-95de-192ff87f195bc.jpgUm homem identificado como Weslley Oliveira Cardoso, 38 anos – foi preso com cinco carteiras de identidade em branco. O delegado Cadena Junior, titular da Polinter, suspeita que os documentos seriam usados para mudar o nome de Kayck Saraiva de Oliveira, contra quem havia um mandado de prisão em aberto. Contudo, o plano falhou e os dois acabaram presos, sendo um em flagrante e o outro em cumprimento a ordem judicial.

    A prisão ocorreu ontem (13), na zona Sul de Teresina, próximo ao Detran.  Em sua defesa, Weslley disse que havia achado os documentos em um lixão e que os revenderia na Praça da Bandeira, no centro da cidade.  [Leia mais…]

  • Polícia Civil continua investigação sobre estuprador do São Judas

    Retrato falado foi feito por duas vítimas no final de maio; polícia acredita em novas vítimas | ReproduçãoA Polícia Civil de Taboão da Serra continua investigando pelo menos dois casos de estupro ocorridos em maio na região do São Judas. As vítimas prestaram depoimento e fizeram um retrato falado do criminoso que age em conjunto com outro homem. A dupla ataca as mulheres em um carro sedan preto.

    O número de casos pode ser maior, já que as vítimas, muitas vezes, não registram o boletim de ocorrência por medo ou vergonha. Um dos homens que ataca as mulheres tem entre 35 e 40 anos, cerca de 1,70 metros, é forte e tem o dente da frente quebrado. O outro homem, que dirige o carro, é branco e usa uma máscara para cobrir o rosto. [Leia mais…]

  • Ladrões usam maçarico para furtar caixa em central de atendimento

    Folha comunica que unidade está fechada. (Foto: Marcos Erminio)Unidade não tem câmeras de segurança nem alarme; Polícia ainda não tem o levantamento de quanto foi furtado

    Um caixa eletrônico que fica no posto de atendimento ao cidadão do Governo do Estado foi furtado neste fim de semana, no Coronel Antonino – região norte de Campo Grande. Os bandidos usaram um maçarico para abrir a lateral da unidade do Banco do Brasil que fica no Posto de Identificação Fácil do bairro. [Leia mais…]

  • Como o Biohacking está mudando o mundo

    Resultado de imagem para smart gunsO Biohacking já está presente no dia a dia de todos nós. Para o futuro próximo, estará cada vez mais presente. Saiba o motivo!

    Biohacking ainda é um conceito que causa estranhamento. Apesar disso, a ideia de colocar as ciências biológicas e a ética hacker num mesmo lugar vem se consolidando com startups, entusiastas do movimento maker e DIY (Do it yourself) e iniciativas independentes.

    Basicamente, Biohacking diz respeito à incorporação de tecnologias no organismo a fim de incrementar a sua performance e capacidade. Mas o “hacking” do termo quer dizer também que isso pode ser feito por uma base mais ampla de pessoas, e não apenas profissionais treinados em laboratórios. Algo extremamente em linha com a filosofia DIY. [Leia mais…]

  • Biometria: quais os métodos mais seguros para a identificação em uma investigação criminal?

    ipog biometria

    A biometria é muito utilizada em todo mundo para identificação pessoal em diversas atividades. Seja para investigações criminais, registro em documentos pessoais, acessar locais, votar, realizar transações financeiras, entre outras funções para a identificação humana com segurança e legitimidade.

    O objetivo da biometria é reconhecer pessoas por suas características fisiológicas e comportamentais. Ou seja, é a utilização do próprio corpo como senha ou identificação humana. E isso favorece o fornecimento de informações únicas, precisas, verdadeiras e seguras. [Leia mais…]

  • Policial militar mata perito com três tiros no peito dentro de ônibus na BR-163

    Perito papiloscopista da Polícia Civil Jhones Gegiori Borges, 38 anos (Foto: Arquivo Pessoal/ Facebook)O perito papiloscopista da Polícia Civil, Jhones Gegiori Borges, 38 anos foi morto com três tiros pelo policial militar Vagner Nunes Pereira, 30 anos. O fato aconteceu na madrugada deste domingo (13), dentro de um ônibus, na BR-163, próximo ao município de Naviraí – a 366 quilômetros de Campo Grande.

    As primeiras informações são de que os policiais eram passageiros do ônibus que fazia o itinerário Naviraí/ Campo Grande. [Leia mais…]