news blog logo
news menu leftnews menu right
  • 0
  • 1
  • 2
  • 3
prev
next
News image

PERITO PAPILOSCOPISTA DE PERNAMBUCO PALESTRA

O Perito Papiloscopista Especial de Pernambuco Paulo Sérgio Bezerra Nogueira, palestra no IV CONGRESSO NACIONAL DE NECROPAPILOSCOPIA, III ENCONTRO NACIONAL SOBRE PESSOAS DESAPARECIDAS E DESASTRES DE MASSA e I ENCONTRO ...

Quinta, 21 Agosto 2014

Leia mais...
News image

PERITO PAPILOSCOPISTA DE PERNAMBUCO É HOMENAG

Por uma iniciativa e solicitação do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Pernambuco – SINPOL e a Associação dos Peritos Papiloscópicos Policiais Civis do Estado de Pernambuco - ASPPAPE, ...

Domingo, 17 Agosto 2014

Leia mais...
News image

RELATÓRIO DA FENAPPI SOBRE O IV CONGRESSO NAC

 Primeiramente, quero agradecer muito a pessoa do Presidente Clebio por tudo, elogiar todo o seu esforço para fazer o melhor. Considero que o Congresso foi um sucesso, de publico, de ...

Domingo, 17 Agosto 2014

Leia mais...
News image

IMPORTÂNCIA DA PERÍCIA PAPILOSCÓPICA NO CASO

IMPORTÂNCIA DA PERÍCIA PAPILOSCÓPICA NO CASO DA  MORTE DO MÉDICO ARTUR EUGÊNIO Polícia indicia cinco suspeitos por sequestro e morte do médico Artur Eugênio Para a polícia, não restam dúvidas de que ...

Terça, 5 Agosto 2014

Leia mais...

Decreto disciplina as atribuições dos cargos na Polícia Civil de Pernambuco PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
Sex, 11 de Outubro de 2013 19:28

O Governo do Estado publicou nesta quinta-feira (10 de outubro) o decreto 39.921, que disciplina as sínteses de atribuições e prerrogativas institucionais dos cargos públicos efetivos de natureza policial civil, regulamentando a Lei Complementar 137, de 31 de dezembro de 2008, que instituiu, no âmbito da Polícia Civil de Pernambuco, o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV). Confira na íntegra o conteúdo do decreto, que estabelece as atribuições de cada cargo dentro da Instituição: DECRETO Nº 39.921, DE 10 DE OUTUBRO DE 2013.


VI – Perito Papiloscopista: praticar os atos de Polícia Judiciária definidos na esfera de sua competência técnica e funcional pelo Código de Processo Penal e por outras normas que regem essa atividade, inclusive técnicas e éticas; dirigir, planejar, coordenar, assessorar, supervisionar, executar, fiscalizar e controlar as atividades administrativas e operacionais do órgão ou da unidade técnica sob sua direção; cumprir, e fazer cumprir, as funções e os princípios institucionais da Polícia Civil; realizar a prova objetiva no campo da papiloscopia e representação facial humana, por meio das perícias papiloscópicas, necropapiloscópicas, neonatal e de representação facial humana, com assinatura de laudo; proceder à identificação civil de indivíduos, pesquisa de identificação civil, pesquisa de identificação criminal, retrato falado, bem como perícias papiloscópicas em locais de crimes ou desastres, veículos, objetos, documentos e correlatos, requisitadas para integrar inquéritos policiais, processos criminais e administrativos, concluindo-as em decorrência do livre convencimento técnico-científico fundamentado em laudo pericial; solicitar dados, documentos e quaisquer outros elementos necessários, inclusive exames complementares, para o embasamento técnico-científico dos exames periciais de seu encargo; manter o sigilo necessário à elucidação dos fatos e às investigações, bem como a realização de estudos e pesquisas, dentre outras determinadas pelas autoridades competentes;

Leia mais...
 
05 DE FEVEREIRO DIA NACIONAL DOS PROFISSIONAIS DA PAPILOSCOPIA PDF Imprimir E-mail
Escrito por edson   
Qui, 03 de Fevereiro de 2011 17:49


A ASPPAPE PARABENIZA TODOS OS PERITOS (AS) PAPILOSCOPISTA PELO SEU DIA

 
VÍDEO DE ALGUNS CASOS POSITIVADOS PELO RASTRO PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
Qua, 09 de Outubro de 2013 15:50

 
JUSTIÇA NOTIFICA ESTADO SOBRE CONDIÇÕES DO IITB PDF Imprimir E-mail
Escrito por edson   
Qua, 05 de Junho de 2013 22:27


JUSTIÇA NOTIFICA ESTADO SOBRE CONDIÇÕES DO IITB

Texto DESPACHO

1. A antecipação de tutela deve ser deferida com extrema cautela, tendo em vista, especialmente, o requisito da reversibilidade da medida judicial.
No caso dos autos, recomenda-se a oitiva prévia da parte ré, desde que tal procedimento não traga maiores transtornos à parte autora. A possibilidade de urgência do provimento jurisdicional (a certeza é juízo de valor a ser feito no momento do exame do pedido de antecipação de tutela) não permite, entretanto, aguardar-se a peça contestatória, tendo em vista o longo prazo legal conferido à ré.


2. Com arrimo no artigo 2º, da Lei n.º 8.437, de 30.06.1992, aplicado, por analogia, ao presente caso, postergo o pronunciamento sobre o pedido de antecipação de tutela para momento posterior ao pronunciamento específico do réu.


3. Diga o ESTADO DE PERNAMBUCO, no prazo improrrogável de 03 (três) dias, sobre o pedido de antecipação de tutela.
4. Cite-se e intime-se o ESTADO DE PERNAMBUCO. O prazo para a contestação e demais espécies de resposta da ré somente começará a fluir da intimação da decisão sobre o pedido de antecipação de tutela.


5. Manifestando-se a parte ré sobre o pedido de antecipação de tutela ou, sem tal manifestação, decorrido o prazo falado no item 3, voltem-me os autos.


6. Intimem-se o autor.


7. Cumpra-se. URGENTE.


Recife, 29 de maio de 2013.

PAULO ONOFRE DE ARAÚJO
Juiz de Direito

Dados do Processo
Número NPU 0043700-24.2013.8.17.0001
Descrição Cautelar Inominada
Vara Quinta Vara da Fazenda Pública
Juiz Paulo Onofre de Araújo
Data 29/05/2013 15:37
Fase Devolução de Conclusão

 
NOVA DIRETORIA ASPPAPE PDF Imprimir E-mail
Escrito por Ivan   
Seg, 27 de Maio de 2013 21:12

A nova Diretoria da ASPPAPE parabeniza e agradece aos sócios que de forma democrática participaram do pleito eleitoral da Associação, bem  como congratula o desempenho da chapa 02.

Leia mais...
 
« InícioAnterior12345678910PróximoFim »

Página 1 de 33


Fornecido por Rilei Design.
Avenida Conde da Boa Vista, n° 50- Edf. Pessoa de Melo - Sala 831 - Boa Vista - Recife/PE
CEP: 50060-004 - Fone: 3423-1107 / 3423-6010
Email: asppape@asppape.com.br